[Resenha] Garotas de Vidro - Laurie Halse Anderson






Titulo: Garotas de Vidro
Autor: Laurie Halse Anderson
Editora: Novo Conceito
Paginas: 272
Classificação: 4/5

Trigger Warning: O livro pode ser um um possível gatilho para pessoas com histórico de problemas alimentares.






Garotas de Vidro é narrado pela Lia uma estudante do ensino médio que tem  anorexia e conta todas as calorias que consome a cada refeição, se castiga quando passa do "limite" de calorias e se sente suja por conta do corpo. O Livro começa quando ela descobre que sua ex melhor amiga Cassie,  morreu sozinha em um hotel e deixou 33 ligações perdidas em seu celular.

Eu não deveria. Não posso. Sou uma gorda gigante e tenho nojo de mim mesma. Eu já ocupo espaço demais. Sou uma hipócrita feia e malvada. Sou um problema. Sou um lixo. Quero dormir e não acordar, mas não quero morrer. Quero comer como uma pessoa normal, mas preciso ver meus ossos ou vou me odiar ainda mais e poderia arrancar meu coração e tomar todos os comprimidos já fabricados na história.

Todos ficam preocupados com a forma que isso vai influenciar a vida da Lia, que ela poderá ter recaídas ou acabar da mesma da Cassie. A Lia tem os pais separados e mora na casa do pai junto com a madrasta e a filha da madrasta. A mãe é médica e sufocante e esse foi um dos motivos dela preferir ir morar com o pai que é mais ausente porque é muito ocupado com o seu próprio mundo de escritor e professor.

A amizade da Lia e da Cassie começou quando elas tinham 9 anos e se tornaram vizinhas, ambas tinham problemas familiares e o desejo de ser a mais magra da escola. Com o decorrer da história vamos conhecendo mais sobre o passado, sobre a amizade complicada dela com a Cassie e como elas se tornaram as garotas geladas. E no presente a Lia é assombrada pela culpa e pelo fantasma da Cassie que não perde a chance da fazer comentários maldosos.

 Você não está morta, mas também não está viva. Você é uma garota gelada, Lia-Lia, presa entre dois mundos. Você é um fantasma com um coração que bate. Logo você cruzar a fronteira e ficar comigo. Estou tão empolgada. Tenho tanta saudade.

A narração faz você sentir tudo que ela está passando, como ela enxerga o mundo, como ela vê as outras pessoas e se vê. Você se sente agoniado e angustiado mas acaba entendendo como é difícil pra ela sair dessa situação. É como se ela fosse caminhando para morte e nós acompanhássemos cada passo.

Achei Garotas de Vidro um livro muito bom mas difícil e angustiante de se ler. Não pela forma como é escrito, que por sinal eu adorei a escrita, mas sim pelos temas abordados: anorexia, bulimia, auto-mutilação, suicídio, morte, solidão e alucinações. Ele acaba lembrando muito ao filme da netflix "In to the bone" em vários aspectos então se você gostou do filme provavelmente também vai gostar do livro.



Free Game - The Walking Dead Telltale


The Walking Dead é um jogo de aventura point-click da telltale que acontece simultaneamente com a história dos quadrinhos e se inicia  no começo do apocalipse zumbi . No jogo você é Lee Everett e acompanha ele na luta pela sobrevivência, fazendo novos aliados e encarando desafios. Você vai fazendo escolhas de diálogos difíceis que vão te fazer refletir bastante e moldam o seu futuro no jogo. O jogo é dividido em 5 capítulos e conta com um enredo cativante e personagens marcante.

"The Walking Dead foi aclamado pela crítica, com avaliadores elogiando o tom emocional e severo da história e a conexão enfática estabelecida entre Lee e Clementine. O jogo ganhou mais de 90 "Game of the Year" prêmios, incluindo prêmios da EUA Today, GamesRadar, E! Online, e o Spike Video Game Awards. Mais de um milhão de jogadores originais comprou pelo menos um episódio da série, com mais de 8,5 milhões de episódios individuais vendidos até o final de 2012, e seu sucesso tem sido visto como constituindo uma revitalização do gênero de jogo de aventura enfraquecido." x





Como pegar o jogo Free(até dia 09/09/2017):
1. Entre nesse link
2. Clicar em "Add to Cart"
3. Criar uma conta e linkar ela com a steam
4. Confirmar a compra
Você receberá um email com um link para conseguir a chave do jogo.

Na steam é só ir no menu superior e procurar por parte Jogos>Ativar um código de produto e terá esse jogo maravilhoso na sua biblioteca. ♡


Cblol 2017 - Final do Primeiro Split


Dia 8 de abril aconteceu o Campeonato Brasileiro de League of Legends aqui em Recife e nada melhor do que voltar ao blog escrevendo sobre a experiência incrível que tive no evento. <3

Os ingressos custavam entre R$ 30,00 até R$ 80,00. Foram três mil ingressos vendidos para final entre a Red Canids e Keyd Stars, que se esgotaram em um pouco mais de uma hora. 

Eu estava num Hype muuuito grande pro evento, sempre assisti por barlegends, twitch ou cinema. E sempre ficava com um sentimento de "Porque eventos assim nunca vão vir pra cidade que eu moro?". Ficava com muita inveja porque meus amigos de outros estados sempre iam e eu só via por uma telinha. Mas chegou o meu momento de ter a experiência de ir a um evento organizado pela Riot Games

A estrutura montada foi maravilhosa, tinham 4 entradas para facilitar o acesso a parte onde estava acontecendo o jogo. Lá tinham telões de alta qualidade, jogo de luz e muita emoção por estar ali.
E do lado de fora tinha exposição da arte da comunidade, troféu das edições anteriores, peças das skins projeto, lojinhas dos times e os cosplays.



O melhor do CBLOL pra mim, foi ter tido a experiência de ir de cosplay. A Riot deu ingresso de cortesia a 40 cosplayers. Recebemos todos os brindes que o público recebeu (colar, pulseira, skin e adesivos), entramos antes da abertura dos portões (e sem enfrentar fila) para que pudéssemos nos arrumar no cospitalidade antes da partida começar.

O Cospitalidade basicamente era uma sala que tinha tudo que você poderia pensar que ia precisar em um evento, desde velcro e agulha até maquiagem e band-aid. Lá a gente teve acesso a tudo isso e ainda recebemos um lanchinho maravilho além de ter cabines para trocar de roupa, espelhos, espaço e staffs maravilhosas que estavam sempre preocupadas conosco e ajudando.

Fomos tratados realmente como uma atração do evento e os cosplayers que estavam lá eram super simpáticos, consegui conhecer pessoas maravilhosas que fazem um trabalho muito bom como cosplayer/cosmaker e ainda usar minha Katarina Kitty Cat ao lado delas.
 
Eu sai do evento pensando que agora só queria ir para eventos padrão Riot Games, mas como não da pra sonhar tão alto, espero pelo menos eventos que valorizem o cosplayer com no mínimo um camarim com um kit de reparo.



Pela torcida do local dava pra perceber que quase todos torciam para a Red Canids e foi ela que venceu a disputa por 3x0 e ganhou a vaga no MSI que vai acontecer no Rio de Janeiro e em São Paulo entre os dias 28/04 a 21/05.

Tenho certeza que o sentimento de todos que estavam ali era que a disputa ficasse em 3x2 para que o evento durasse mais.

Todas as fotos por @riotgamesbrasil

Lendo:

Facebook

Seguidores